Ser e Tempo - Col. Multilíngues de Filosofia Unicamp E-Book


Ser e Tempo - Col. Multilíngues de Filosofia Unicamp - Heidegger,Martin pdf epub

PREÇO: GRÁTIS

EM FORMAÇÃO

LÍNGUA: PORTUGUÊS
HISTÓRIA: 2012
ESCRITORA/ESCRITOR: Heidegger,Martin
ISBN: 9788532643407
FORMATO: PDF EPUB MOBI TXT
TAMANHO DO ARQUIVO: 7,44

EXPLICAÇÃO:

Este volume oferece, em edição bilíngue (alemão-português), a Primeira Parte incompleta de um tratado concebido para abranger duas grandes partes. Esse texto, denominado Ser e tempo, é amplamente considerado a contribuição maior daquele que muitos têm como o principal filósofo do século XX. Fausto Castilho — que frequentou o curso de Heidegger na Universidade de Friburgo, transformado no livro Que significa "pensar"?, e o seminário de Eugen Fink sobre a Monadologia de Leibniz — é o responsável por essa tradução que constitui um marco na história da recepção desta obra no Brasil.

... um estudo a partir de Sein und Zeit (no prelo) ... Ser e Tempo - Col. Multilíngues de Filosofia Unicamp ... ... . 24 Intitulado O ser como tal. Cf. HEIDEGGER, Marting. Ser e tempo. Edição em alemão e português (1977). Tradução e organização de Fausto Castilho. Col. Multilíngues de Filosofia Unicamp. Artigo: Visamos, nesta comunicação, ensaiar a aproximação das leituras de Martin Heidegger e Peter Sloterdijk a respeito do conceito de "espaço interior", evocado pelo poeta praguense Rainer M. Rilke e devedora da noção de "aberto", por ... Ser e Tempo - Col. Multilíngues de Filosofia Unicamp ... ... . Rilke e devedora da noção de "aberto", por ele empregada na oitava das Elegias de Duíno. Ele dirigiu as coleções multilíngues de filosofia e estudos de filosofia moderna e contemporânea da editora da Unicamp. Foi tradutor, entre outros, de Ser e Tempo(Heidegger), do Manual dos cursos de Lógica Geral (Kant), além de ter escrito as obras: O conceito de universidade no projeto da Unicamp ; Considerações em torno do contencioso ; e As determinantes da Longa Duração e sua ... Esse artigo busca explicitar a compreensão filósofo alemão Peter Sloterdijk sobre o conceito de subjetividade. Operando uma crítica ao humanismo e abdicando da pressuposição de uma natureza humana, Sloterdijk nega, ao mesmo tempo, acepções que guiam a subjetividade pelas noções de indivíduo e autonomia....