O Ofício Alheio E-Book


O Ofício Alheio - Levi,Primo pdf epub

PREÇO: GRÁTIS

EM FORMAÇÃO

LÍNGUA: PORTUGUÊS
HISTÓRIA: 2016
ESCRITORA/ESCRITOR: Levi,Primo
ISBN: 9788539306398
FORMATO: PDF EPUB MOBI TXT
TAMANHO DO ARQUIVO: 8,63

EXPLICAÇÃO:

Em textos publicados esparsamente entre 1964 e 1984, o químico, escritor e testemunha do Holocausto Primo Levi faz “incursões nos ofícios alheios, caça ilegal em zonas proibidas”, transitando pela zoologia, astronomia, a literatura e pelas ciências naturais. Revelando-se o mais caprichoso dos botânicos, dos zoólogos e dos linguistas, também fala dos autores que lhe são caros, explica-nos por que escreve e reflete sobre a ligação entre o mundo natural e o cultural. E termina por nos oferecer uma forma oblíqua – mas preciosa – de autobiografia. Com prefácio de Italo Calvino e nota biográfica de Ernesto Ferrero.

...cho evoluído, Deus e o Diabo, loucura e sanidade ... O ofício alheio - Fundação Editora Unesp ... . Também o artigo 933 do citado código prevê que se o relator constatar a existência de fato superveniente à decisão recorrida ou de questão apreciável de ofício ainda não examinada que devam ser considerados no julgamento do recurso, intimará as partes para que se manifestem no prazo de cinco dias. O «fim alheio à empresa» tem que se referir a um objecto não directamente ligado à produção de um bem ou serviço e não a um consumo final ... Atendendo que no Parecer Técnico, acima tran ... O ofício alheio: com um ensaio de Italo Calvino - Primo ... ... ... Atendendo que no Parecer Técnico, acima transcrito, é mencionado o Ofício Circulado n.º 14.389, de 26.02.1987, da DSCA - SAIVA, e é referido que se aconselha a sua leitura, ... Quando me aventurei, ainda muito guria, no universo das palavras nunca pensei que um dia faria delas ofício. De um momento para o outro me vi perdida em meio a olhares sedentos pelo próximo capítulo e a dúvida invadiu meu peito: como posso eu agradar a alma alheia? E agora, como posso superar as suas expectativas? E enquanto penso no que esperam de mim, perco-me de mim mesma....