Precisamos Falar Sobre O Assédio De Consumo E-Book


Precisamos Falar Sobre O Assédio De Consumo -  pdf epub

PREÇO: GRÁTIS

EM FORMAÇÃO

LÍNGUA: PORTUGUÊS
HISTÓRIA:
ESCRITORA/ESCRITOR:
ISBN: 9788551916643
FORMATO: PDF EPUB MOBI TXT
TAMANHO DO ARQUIVO: 8,21

EXPLICAÇÃO:

O assédio de consumo se impõe na sociedade atual como um dos grandes desafios para o Direito do Consumidor. Tendo em vista o poder da indústria cultural e sua capacidade para influenciar no comportamento do consumidor, identificar de que maneira essa influência pode ser materializada pela publicidade e, eventualmente convertida em uma forma de assédio de consumo praticado em âmbito pré-contratual é o grande objetivo deste livro. Por meio de uma pesquisa alicerçada no método dedutivo e levantamento bibliográfico, divide-se o estudo em três partes. A primeira é dedicada à investigação das transformações e processos sociais que levaram ao fortalecimento da sociedade de consumo tal como hoje se concebe, com especial ênfase no papel da indústria cultural e na multiplicação das acepções do consumo, demonstrando-se que este passou a ser muito mais que uma forma de satisfação das necessidades para alcançar aspectos significativos da vida em sociedade. A segunda parte, por sua vez, analisa os impactos dessas transformações à luz do novo momento do Direito Privado, abordando e revisitando importantes conceitos para o Direito do Consumidor, tais como vulnerabilidade e hipervulnerabilidade. Nesse momento, o estudo voltará a atenção, especialmente, para a vulnerabilidade enquanto noção de caráter multidisciplinar e, ainda, para o conceito de consumidor, propondo uma releitura da definição tradicional desta fi gura jurídica, tendo em vista o seu atual protagonismo e as novas possibilidades que a ele são oferecidas – que, de um modo tanto quanto paradoxal, resultam tanto em uma maior liberdade como em uma maior exposição a práticas abusivas. No capítulo final, serão abordados relevantes aspectos conceituais e normativos da publicidade, bem como do assédio de consumo, buscando-se, quanto a este segundo ponto, encontrar contornos mais bem definidos para este fenômeno, sugerindo-se, inclusive, um conceito próprio. Desse modo, a partir dos subsídios alcançados neste e nos capítulos anteriores, será possível, finalmente, chegar a uma conclusão sobre a relação entre a indústria cultural, a publicidade e o assédio de consumo.

...a publicação: Assédio Moral: Conhecer, Prevenir, Cuidar, com o objetivo de ampliar o conhecimento sobre este tema, divulgar as ações de cuidado e fortalecer as estratégias de prevenção, com vistas O assédio no trabalho pode ser moral e sexual ... Como o assédio para o consumo afeta a infância? | REBRINC ... .Considera-se assédio moral (também designado por mobbing) quando os factos repetidos afetam a integridade física e moral da vítima e assédio sexual quando há comportamentos indesejados de caráter sexual, verbal ou não-verbal, percecionados pela vítima como abusivos. Voltemos ao caso do computador: ao adquirí-lo, o consumidor - que não possui conhecimento técnico sobre o produto - não identitificou qualquer problema que o motivasse a reclamar ao fornecedor. Contudo, em um belo dia, descobriu que havia um pro ... Precisamos falar do assédio - Página inicial | Facebook ... . Voltemos ao caso do computador: ao adquirí-lo, o consumidor - que não possui conhecimento técnico sobre o produto - não identitificou qualquer problema que o motivasse a reclamar ao fornecedor. Contudo, em um belo dia, descobriu que havia um problema "escondido", tão sério, que inutilizou o produto. É a partir daí que o vício poderá ser reclamado, em 90 dias. O consumo dentro da nossa visão de negócio também é uma poderosa ferramenta de inclusão social e econômica ao gerar renda para artesãs locais. Para cuidarmos melhor do planeta e melhorarmos as relações de consumo é preciso mudança de hábitos em pequenas ações do nosso dia-a-dia. Depende de cada um de nós darmos nossa contribuição para garantir a sustentabilidade da vida no ... "O assédio, moral e sexual, é mais frequentemente da autoria de homens, sobre mulheres e outros homens, e afeta mais frequentemente mulheres — tratando-se de uma manifestação de domínio ... Não existe assédio sem trauma. Nós relatamos experiências pessoais e conversamos sobre a importância de falar desse assunto. Obrigada Chris e Natália pela pa... Como exemplo de cálculo, faremos uma estimativa de qual é o consumo de energia elétrica de um chuveiro convencional. Para tanto, vamos considerar um chuveiro de 4500 W (4,5 kW) que é utilizado ... O conceito legal de assédio abrange o assédio moral e o sexual. Para uma situação ser considerada assédio moral é preciso que os factos se repitam e sejam insuportáveis para a vítima, ou seja, que afetem a sua integridade física ou moral. Cancelamento automático - O consumidor poderá cancelar serviços de telefonia fixa e celular por meio da internet ou simplesmente digitando uma opção no menu na central de atendimento telefônico da prestadora. Ou seja, sem precisar falar com uma atendente da operadora. Assédio sexual inclui qualquer comportamento sexual indesejado — por exemplo, tocar ou até mesmo fazer comentários de conotação sexual. Mas às vezes pode ser difícil perceber a diferença entre brincadeira, flerte e assédio sexual. Lá, dentre outras coisas, uma das grandes demandas que recebíamos era a de profissionais que sofriam assédio moral no ambiente de trabalho. O assédio, entretanto, pode ser complexo e cheio de sutilezas. Como ele acontece ao longo do tempo, não é fácil identificá-lo, classificá-lo e, muito menos, provar que ele acontece. Direito do consumidor | Lei 8.078 DE 1990. | Quais são as práticas abusivas? | Quais os nossos direitos como consumidor? | Especial proteção do Estado | Cuid... Logística é a parte do Gerenciamento da Cadeia de Abastecimento que planeja, implementa e controla o fluxo e armazenamento eficiente e econômico de matérias-primas, materiais semi-acabados e produtos acabados, bem como as informações a eles relativas, desde o ponto de origem até o ponto de consumo, com o propósito de atender às exigências dos clientes" (Carvalho, 2002, p. 31). De acordo com os dados da pesquisa sobre Assédio Sexual e Moral no Local de Trabalho, desenvolvida no CIEG - Centro Interdisciplinar ... Nos dois dias seguintes, tentou fazer o mesmo. Sentia-me cada vez mais desconfortável, até que lhe disse para parar senão tinha de dizer a alguém o que se passava. Em casos de assédio no trabalho, a vítima não é a única pessoa afetada: a situação tem impacto sobre as pessoas que ali trabalham e sabem o que acontece. Os prazos para reclamar não podem ser alterados pelos fabricantes ou pelos prestadores de serviço, justamente para dar segurança ao consumidor, que não pode estar vulne...