Na Trave - o Que Falta Para o Futebol Brasileiro Ter Uma Gestão Profissional E-Book


Na Trave - o Que Falta Para o Futebol Brasileiro Ter Uma Gestão Profissional - Mattar,Michel Fauze pdf epub

PREÇO: GRÁTIS

EM FORMAÇÃO

LÍNGUA: PORTUGUÊS
HISTÓRIA: 2014
ESCRITORA/ESCRITOR: Mattar,Michel Fauze
ISBN: 9788535278675
FORMATO: PDF EPUB MOBI TXT
TAMANHO DO ARQUIVO: 8,51

EXPLICAÇÃO:

Todo o movimento teve início na década de 1990. O futebol invadiu e dominou as grades de programação da televisão. Esse fenômeno produziu uma verdadeira revolução nas estruturas centrais que sustentavam o motor financeiro dos clubes no Brasil. Os recursos das emissoras de televisão, aliados a todas as receitas adicionais impulsionadas por essa nova amplitude de exposição, alteraram o patamar desses clubes dando-lhes grande visibilidade e elevando seu poderio econômico. O futebol havia se transformado em negócio! Mas essa abundância financeira escancarou um mal até então oculto: a ineficiência da gestão praticada em nossos clubes e federações. Isso fez surgir a discussão sobre a profissionalização da gestão do futebol brasileiro. De lá para cá, porém, pouca coisa mudou. Apesar do extraordinário aumento de recursos financeiros, estruturais, tecnológicos e humanos disponíveis, nossos clubes ainda são conduzidos de forma absolutamente ineficaz e, pior, encontram-se ainda mais endividados do que naquela época. Por que, a despeito da pressão da sociedade, a gestão dos clubes não melhora? Quais fatores impedem que esta mudança ocorra? Qual é a solução mais viável e realista para que esta situação se altere? O que se pode esperar em termos da gestão de nossos clubes de futebol para o futuro? As respostas para essas e outras perguntas você, leitor, encontrará neste livro.

...eratura sobre futebol acompanhou o desenvolvimento do mesmo no Brasil ... O profissionalismo do futebol brasileiro: uma abordagem ... ... . Na primeira década do século XX, quando o… O processo que resultou na profissionalização do futebol no Brasil foi rodeado por questões de classe social, interesses financeiros, afirmação de identidades, racismos e preconceitos de toda a ordem. Dirigentes conservadores e o racismo das elites fazem com que o futebol continuasse sendo amador (AFIF, BRUNORO, 1997; BRETAS, 2006). A BBC Brasil conversou com cartolas do futebol nacional e especiali ... O profissionalismo do futebol brasileiro: uma abordagem ... ... . A BBC Brasil conversou com cartolas do futebol nacional e especialistas em gestão esportiva para tentar mapear o que falta para o futebol brasileiro se tornar mais atraente para público e ... A Evolução da Gestão no Futebol Brasileiro 1. Introdução: hipóteses de trabalho o objeto de estudo do presente trabalho é a gestão do futebol brasileiro. O tema estudado é o processo de evolução dessa gestão, com destaque para a sua profissionalização. Autor dos livros: Na trave: o que falta para o futebol brasileiro ter uma gestão profissional, Editora Elsevier (2014). Gestão de negócios esportivos, Editora Elsevier (2013). (Organizador e coautor). Gestão do esporte no Brasil: desafios e perspectivas, Editora Ícone (2012). (Coautor). Artigos de Michel Fauze Entender o que é, e como funciona, logística pode ser muito útil para os clubes do futebol brasileiro. O conceito de logística é ligado à racionalidade da movimentação. Qualquer organização faz parte de uma cadeia sequencial de organizações. Sem jogar o mata-mata da competição desde a temporada 2017/2018, o brasileiro teve uma noite difícil em Dortmund. Não se omitiu em nenhum momento, marcou um gol e acertou uma na trave, mas, no fim, acabou "travado" pelo cerco imposto pelo Borussia: 2 a 1 para os donos da casa. Uma paródia de futebol da música "Novinha Você É Uma Flor" MCs Thin e Alexandre, sobre os jogadores promissores do Brasil, por aqui a fábrica de craques não ... Na semana passada, por exemplo, aconteceu o primeiro clássico do ano entre o Corinthians (atual campeão brasileiro) e o Santos (atual campeão paulista) em uma quinta-feira nesse horário nada amistoso para o torcedor. Às 3h da tarde, não deu para colocar no Parque São Jorge o público que esse jogaço mereceria. Mas o vírus continuou a avançar e o desporto profissional, no caso concreto o futebol, começou a tomar consciência dos problemas com que ir...